Carregando...

FGTS para Financiamento da Casa Própria: Saiba Como Usar

Publicidade

Se você como a maioria dos brasileiros tem o sonho de comprar a sua casa, provavelmente já ouviu falar que é possível usar o FGTS para financiamento da casa própria.

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um benefício oferecido aos trabalhadores brasileiros, e saber como usar o recurso de forma inteligente pode fazer toda a diferença na hora de comprar um imóvel.

Publicidade

Neste artigo, falaremos das vantagens, os requisitos e o passo a passo para usar o FGTS como parte do pagamento para o financiamento da sua casa própria.

fgts para financiamento
FGTS para Financiamento da Casa Própria: Saiba Como Usar (Fonte da Imagem: Paulo Carvalho / Agência Brasil)

Vantagens de Usar o FGTS para a Compra da Casa Própria

Antes de entrarmos nos detalhes sobre como usar o FGTS para financiar a compra de uma casa, é importante entendermos as vantagens que podemos ter usando essa opção. Usar o FGTS pode ser uma boa opção por vários motivos. Veja a seguir:

  1. Redução do Valor Financiado: Uma das principais vantagens de usar o FGTS é a redução do valor a ser financiado. Isso significa que você precisará de um empréstimo menor para comprar sua casa, o que pode resultar em parcelas mais acessíveis.
  2. Redução dos Juros: Como o montante financiado é menor, os juros sobre o empréstimo também serão menores, o que pode resultar em economia significativa ao longo do prazo do financiamento.
  3. Menos Burocracia: O uso do FGTS pode facilitar o financiamento, tornando menos moroso, uma vez que não é necessário comprovar a origem dos recursos do FGTS.
  4. Rapidez na Aprovação: O uso do FGTS pode acelerar a aprovação do financiamento, tornando o processo mais ágil e eficiente.

Então, agora que já conhecemos as vantagens, vamos explorar os requisitos que você precisa ter para usar o FGTS no financiamento da casa própria.

Publicidade

Requisitos para Usar o FGTS no Financiamento Imobiliário

Para usar o FGTS como parte do pagamento para o financiamento da casa própria, é preciso atender a algumas exigências. É importante confirmar se você se encaixa nas seguintes condições. Veja:

  1. Tempo de Trabalho: É necessário ter pelo menos três anos de trabalho sob o regime do FGTS, consecutivos ou não, na mesma empresa ou em diferentes empregadores.
  2. Não Ser Proprietário de Imóvel: O trabalhador não pode ser proprietário de imóvel residencial no município onde exerce sua ocupação principal ou onde pretende comprar o imóvel.
  3. Não Ter Financiamento Ativo: Não é permitido ter financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação (SFH) em qualquer parte do Brasil.
  4. Valor Disponível no FGTS: É importante que você verifique o saldo disponível em sua conta do FGTS, pois o valor disponível será usado como parte do pagamento do financiamento. Você pode fazer isso usando o aplicativo do FGTS que está disponível em Android e também para iOS. Caso queira ver o passo a passo para fazer isso, já temos um artigo no blog explicando.
  5. Tipo de Imóvel: O FGTS pode ser usado para a compra de imóveis residenciais, novos ou usados, desde que se enquadrem nas regras do SFH.

Dessa forma, agora que você conhece os requisitos, vamos ao passo a passo para usar o FGTS no financiamento da casa própria.

Passo a Passo para Usar o FGTS no Financiamento Imobiliário

  1. Verifique seu Saldo do FGTS: O primeiro passo é verificar o saldo disponível em sua conta do FGTS. Você pode fazer isso por meio do site da Caixa Econômica Federal ou em uma agência da Caixa.
  2. Escolha o Imóvel: Encontre o imóvel que deseja comprar e verifique se ele se enquadra nas regras do SFH.
  3. Informe ao Banco: Quando estiver em processo de financiamento, informe ao banco que deseja usar o FGTS como parte do pagamento. Eles solicitarão a documentação necessária.
  4. Documentação Necessária: Você precisará fornecer documentos que comprovem o atendimento aos requisitos mencionados, como extratos do FGTS, comprovante de não propriedade de imóvel, entre outros.
  5. Avaliação e Liberação: O banco fará a análise da documentação e a avaliação do imóvel. Após a aprovação, o banco irá liberar o valor do FGTS para abater parte do valor do financiamento.
  6. Assinatura do Contrato: Com o valor do FGTS liberado, você assinará o contrato de financiamento e poderá adquirir o imóvel.

Conclusão

O uso do FGTS para financiamento da casa própria é uma excelente opção para quem deseja realizar o sonho da casa própria de forma mais acessível. Assim, com vantagens como a redução do valor financiado e dos juros, menos burocracia e rapidez na aprovação, essa escolha pode fazer a diferença no processo de compra de um imóvel.

Por fim, se certifique de atender a todos os requisitos e siga os passos para aproveitar essa oportunidade e alcançar a tão sonhada casa própria. Com planejamento e informação, você estará um passo mais perto de concretizar esse objetivo.

O FGTS é uma ferramenta poderosa que pode tornar o sonho da casa própria uma realidade. Então, não deixe de explorar essa opção e buscar a orientação de profissionais especializados para te orientar ao longo do processo. Agora é com você!

Publicidade